Cadê a sua criança interna?

Escrito por em 10 de setembro de 2018

Às vezes, a gente precisa recordar da nossa criança interna e reviver emoções que vivemos. Você já experimentou escutar uma música que tocava na sua infância e você amava? Vou dizer a minha sensação de ouvir minha música infantil favorita: é como se eu estivesse voando nas nuvens. Sinto o meu coração feliz e em paz. Existe uma criança interna dentro de nós e ela sempre “fala” conosco, mostra suas necessidades. De forma ilustrada, é como se ela “gritasse” se não a escutarmos. Nem sempre ela quer brincar, mas é ela que mostra, muitas vezes, nossas carências. Estão vamos ao menos escutá-la?

Mas como alimentar essa criança interna?

Hoje eu brinquei de médico com a minha filha. Quando foi a minha vez de ser a médica eu brinquei de tirar o raio-x. Fiz um barulho de um raio e logo fiz um X à caneta na barriga dela. Ela riu e disse: “que médica horrível é esta?” E “ameaçou”: vou ser pior do que você. Pegou a caneta e me riscou… e eu a risquei mais. Ficamos riscadas à caneta. Depois tomamos banho e fomos ao teatro. Um musical que me levou às nuvens. Meu dia de criança foi completo. Como me diverti.

Depois deste dia, quase nada me abalava ou me estressava. Não estou aqui colocando uma regra, mas ilustrei porque acho que essa foi a minha forma de escutar minha criança interna. Ela precisava me colocar para me divertir um pouquinho. É você? Como você pode aproveitar o seu dia de criança?


Tagged as , , , , , , , , , , , , , , , ,



Comentários

Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado.Campos obrigatórios estão marcados *